Doenças Estranhas: Síndrome de Lobisomem

Síndrome de Lobisomem


Este é outro ser que existe apenas nos filmes. No entanto, existem pessoas que podem adquirir características físicas parecidas com um lobisomem. Elas possuem hipertricose, uma doença popularmente chamada de Síndrome de Lobisomem, que cobre o rosto e outras partes do corpo de uma pessoa com pelos.

O mal é tão raro que apenas 100 casos foram documentados em todo o mundo. Por isso, pouco se sabe sobre a doença. A única informação que os cientistas têm é que ela é uma mutação genética e hereditária. O tratamento que se mostrou mais eficaz, até agora, é a depilação a laser.

Mexicano com síndrome do lobisomem faz sucesso com as mulheres e diz que não quer mudar



Enquanto a maioria das pessoas luta contra os pêlos com cera e lâminas, Danny Ramos Gomez não quer saber de pele lisinha. O mexicano tem hipertricose, condição conhecida também como síndrome do lobisomem. Mas isso não é problema para ele, que faz um certo sucesso com as mulheres.

Danny namora a bela Hilda e tem uma filha de um relacionamento anterior. Em entrevista à rede de televisão BBC, Lucy, que namorou o mexicano por seis anos, disse que o cabelo de Danny é muito sexy e que amava os olhos dele. E acrescentou que a personalidade cativante é o ponto forte de Danny.

Mas nem todo mundo tem tanta afeição por Danny quano Lucy. Quando era criança, o mexicano foi exibido com o irmão Larry em um espetáculo de circo. Os dois eram chamados de “crianças lobo”. Mesmo adulto, não é raro que Danny ouça comentários maldosos na rua ou insultos por causa da aparência dele.

Fonte: Jornal Extra/BBC/Exame.com
Foto: A/D - Arquivo OpenBrasil.org/ABC NEWS

Doenças Estranhas - OpenBrasil.org
Página anterior Próxima página